“Para casas e pessoas especiais e únicas”

Em entrevista à Business Portugal, Magda e Miguel Tilli apresentam a HomeLovers, um modelo de negócio baseado no on-line e totalmente diferenciador no que à venda de imóveis diz respeito.

Magda e Miguel Tilli, Fundadores

 A HomeLovers entrou no mercado português, em 2011, de uma forma inovadora e disruptiva. Como surgiu a ideia para o projeto?

Desde 2011 que tentamos ser disruptivos, isto é, numa altura em que as redes sociais serviam quase e só apenas para fins de lazer e com cariz meramente pessoal, a HomeLovers surge a acreditar nas redes sociais como forma de divulgação de casas, e não qualquer casa, teriam de ser casas bonitas com alma e únicas, fotografadas por excelentes profissionais. Pretendemos criar um catálogo de casas, retirando o seu melhor partido.

 

Houve, desde o princípio, uma forte aposta na divulgação on-line das casas. Já consideravam e entendiam, na altura, a importância das redes sociais e da internet nesta área de negócio?

Sem dúvida. Sabíamos e apostamos de uma forma única nos meios on-line, a base para tudo nasceu das nossas crenças e experiências pessoais ao perceber que existia um nicho de mercado que poderia ser ocupado pela HomeLovers, a promover desde sempre o encontro de vendedores e compradores de imóveis de uma forma especial, para casas e pessoas especiais e únicas, que é como deve ser na nossa opinião!

A HomeLovers defende que as suas casas são únicas e têm uma identidade bem vincada. Que características é que, normalmente, procuram nas casas que vendem?

Procuramos essencialmente características únicas como tetos altos trabalhados, mosaicos antigos, portas bonitas em madeira e mais do que tudo uma relação com a natureza, seja uma vista para o rio ou o mar, um jardim com plantas bonitas, um pátio tradicional etc. Todas as casas por mais diferenciadas que sejam têm um lado bonito, único e diferenciador, cabendo à HomeLovers interpretá-lo e fazer chegar aos nossos clientes a sua mensagem.

 

Afirmam que não se limitam a vender e a arrendar casas. Como é que funciona o processo de encontrar a “casa perfeita” para cada cliente?

O nosso processo começa dentro da “nossa casa”, ao escolhermos cada pessoa que trabalha connosco, formando a equipa que julgamos interpretar e viver a HomeLovers como nós, desde o dia em que a criámos. Depois é mergulhar no espaço e na intimidade dos clientes que nos procuram. Deste modo, podemos verdadeiramente perceber o que procuram e apenas apresentar propostas que julguemos construir o cenário de realidade e sonho que vem, no fundo, preencher os seus desejos, as suas necessidades, e, mais que tudo, fazê-los felizes.

 

Inicialmente, consideravam a HomeLovers como “não mais que uma boutique digital de casas”. Atualmente, como é que veem a empresa?

A HomeLovers não deixa de, diariamente, nos dar oportunidades de crescimento, sem abrir mão do nosso ADN, valores e matrizes de inspiração. No fundo, a ideia que a todos tocou de uma identidade como “boutique de casas” não deixará de existir. No entanto, o conceito, o negócio e os serviços que prestamos, mantendo a mesma agilidade de sempre, acompanham o tempo e cada desafio nos transporta à exploração de novas ideias e ao encontro de novas soluções. Os nossos clientes são únicos, e, naturalmente, “crescem” connosco, porque as necessidades de todos mudam, ao longo da vida ( mais um filho que nasce ou sai para a faculdade, um casamento, um divórcio, tantas são as circunstâncias que nos obrigam a querer mudar de casa) e, consequentemente, a casa de que precisamos.
Para além disso, o mundo está a avançar para uma evolução no estilo de vida, cada vez estamos menos presos a geografias de origem e cada vez mais próximos da procura pelo bem estar, de novas experiências e de uma maior vontade de estarmos próximos da natureza, de forma que não apenas em contemplação, mas em clara integração com um futuro sustentável e em harmonia com um planeta mais feliz.

Neste sentido, sentimos necessidade de expandir o conceito da HomeLovers para um universo que, também historicamente, nos diz tanto, o do mar. Este que ainda hoje inspira cada português a ser maior. Assim, nasce, em 2021, a BoatLovers, com barcos e casas flutuantes, entre tantas outras opções de aventura neste país absolutamente incrível e com um posicionamento geográfico que, mais cedo ou mais tarde, não nos deixaria excluir esta possibilidade e aventura. A HomeLovers investment dedica-se ao investimento e promoção de ativos imobiliários. Podendo operar sobre um simples apartamento, ao desenvolvimento de um projeto para um terreno, bem como ativar um negócio sobre um prédio devoluto ou com inquilinos, para obras, entre outros exemplos. Quisemos ir mais longe, agora projetamos desde a primeira pedra, idealizamos o espaço ideal, colocamos no papel e tornamos realidade as casas dos nossos clientes com quem tanto aprendemos ao longo destes dez anos. É a nossa casa que chegamos todos os dias, é lá que refletimos acerca do presente e do passado, ao mesmo tempo que fazemos planos para o futuro.

Através de uma construção sustentada, baseada naquilo que são as necessidades de uma família moderna e prática. Uma equipa operacional que integra experiência, know how e capacidade de construir com altos padrões de qualidade e arquitetura.

 

No futuro, quais são os planos para a HomeLovers?

A HomeLovers cresceu e ganhou novas competências. Para além da venda e do arrendamento de casas, ajudamos promotores a preparar lançamentos e a vender seus empreendimentos, com destaque para um projeto no qual estamos a contribuir desde 2020 na Alta de Lisboa, com centenas de vendas concretizadas e agora a nossa mais nova aposta que em breve começará a surpreender o mercado, o re- lançamento da Herdade Monteverde, do nosso cliente SIL. É um empreendimento turístico residencial único, um verdadeiro resort urbano com campo de golfe, parque central, health and racket center, duas piscinas externas, com master plan implantado em 103 hectares, planeado para 86 moradias isoladas, 71 townhouses e 198 apartamentos, em meio a uma reserva da natureza e a menos de 15 km de Lisboa, bem próximo das melhores praias da península de Setúbal.

Para finalizar, estamos desde 2017, a montar negócios para promover empreendimentos com a nossa marca, com alguns projetos em fase de licenciamento em Oeiras, Lisboa e Alcácer do Sal, por meio da HomeLovers Investment. Em breve, teremos mais novidades para contar, afinal somos mesmo apaixonados por casas e pessoas, sempre em busca das melhores soluções e empreendimentos para surpreender o nosso mercado.

You may also like...