80 anos de requinte e progresso

Com uma tradição de 80 anos, o primeiro restaurante do mundo a comercializar Leitão Assado à Bairrada é, hoje, a imagem do progresso, mantendo a qualidade de sempre aliada às exigências dos clientes que encontram no Pedro dos Leitões o ex-líbris “Leitão Assado à Bairrada”, como confidencia, em entrevista à Revista Business Portugal, Pedro Castela, um dos três Sócio-Gerentes.

 

Pedro Castela, Sócio-Gerente

Pedro Castela e os irmãos Sandra e Filipe, Sócios-Gerentes, são os atuais rostos de um “pesadíssimo” legado de 80 anos de um negócio geracional, quer ao nível dos responsáveis, como dos clientes que o visitam. O Pedro dos Leitões foi pioneiro na venda de leitão assado à bairrada, uma receita que atravessa fronteiras e que, nas palavras do Sócio-Gerente, se assume um fator diferenciador. A Mealhada, por si só, prima pela qualidade do produto ex-libris da região – o leitão – ao qual se junta um “molho único e sem aproximação”. Uma receita vencedora que abrange públicos distintos, das mais variadas classes sociais, apresentando-se como uma mais-valia de um serviço de qualidade que sabe “diferenciar o público e tratá-lo da forma que ele gosta e quer ser tratado”.

 

Um crescimento constante

O percurso de Álvaro Pedro (o Pedro dos Leitões) pela área da restauração que começou aos 17 anos no Brasil, como chefe de um carro de jantar, num comboio que ligava o Brasil e a Argentina, e que continuou, em Portugal, em diversos hotéis, culminou na aquisição do seu primeiro estabelecimento, em 1941, que operava com uma secção de mercearia e taberna, onde vendia sandes de leitão para os motoristas que por ali circulavam na época.

Em 1982, constitui sociedade com o seu sobrinho Carlos Alberto Simões Castela e adota o nome de “Sociedade Hoteleira Pedro dos Leitões, Lda”, um espaço que hoje é conhecido como O Pedro dos Leitões. Em 1987, Álvaro Pedro deixa o seu legado ao comando do seu sobrinho, que em 1996, delega responsabilidades aos seus herdeiros, atuais gestores do negócio.

Apesar das crises que têm decorrido em Portugal, o Pedro dos Leitões tem tido “um crescimento constante”, quer em faturação, quer ao nível do espaço, que foi, desde a sua génese, alvo de grandes remodelações.

Do lado oposto da rua (onde se localiza atualmente) o restaurante foi inaugurado a 11 de março de 1941 pelas mãos do fundador Álvaro Pedro, que se tornou o primeiro homem a comercializar o “Leitão Assado à Bairrada”. Oito anos mais tarde, e respondendo à grande procura e reconhecimento de um serviço de qualidade, o Pedro dos Leitões “atravessa” a rua e, hoje, apresenta-se ao público com três salas, com uma capacidade total para cerca de 430 pessoas, oferecendo um espaço confortável e único, resultado de “uma restruturação e embelezamento”, da responsabilidade da gerência atual.

Atualmente, são 38 os funcionários, alguns com mais de 40 anos de casa, que, além da simpatia e arte de bem servir, fazem chegar às mesas a receita mais procurada da Mealhada. Pedro Castela não tem dúvidas de que tem “a melhor equipa do mundo na restauração”

 

De Portugal para o mundo

O sabor do Pedro dos Leitões é extraordinariamente apreciado pelos clientes que acompanharam o crescimento do negócio e que tal como o seu fundador, transportam para as suas gerações futuras o apreço e gosto. É com alegria e orgulho que Pedro Castela vê, diariamente, entrarem pelas portas do restaurante clientes mais velhos que se fazem acompanhar pela família, mas também muitos estrangeiros, nomeadamente, oriundos do Brasil, que representam, no inverno, cerca de 30% dos clientes presentes em sala.

A história, que atravessa gerações e que correu o mundo, fez do restaurante, uma “casa apetecível” não só a nível europeu, sendo uma visita obrigatória para muitos turistas quando visitam o nosso país, mas também reconhecida e premiada mundialmente. O Pedro dos Leitões foi galardoado com o prémio “New Millennium Award”, em Madrid, pela excelência da sua qualidade de serviços como um dos melhores restaurantes do mundo, ao qual se juntam um prémio de distinção Mundial, ao qual concorrem as melhores empresas mundiais no ramo Turístico, Hoteleiro e Indústria de Catering e certificação mundial de excelência pelo Trip Adviser.

 

 

Legar um negócio bem-sucedido e auspicioso

O negócio foi-se adaptando às mudanças do mercado e exigências dos clientes e as novas tecnologias assumem-se, hoje, importantes fontes de proximidade com o público. Sendo um restaurante sobejamente conhecido, a procura é elevada e é habitual encontrarmos um espaço lotado. Nesse sentido, o cliente tem a oportunidade de fazer as suas reservas através de contacto telefónico, mas também através do site www.pedrodosleitões.com, onde pode fazer a sua reserva comodamente e sem filas de espera.

Passados 80 anos de um legado exemplar, Pedro Castela perspetiva um futuro otimista e de sucesso para o restaurante, com a integração de gerações mais jovens que já assumem algumas responsabilidades no negócio.

You may also like...